Outeiro Secano em Lisboa

Abril 15 2016

 

É muito gratificante como dizia Sofia, ver ouvir e ler o nome da nossa terra, sobretudo, quando se está fora, mas por razões que, enalteçam o nome da cidade e da região.

Ora o projecto Ponte Escrita, que, neste fim de semana se realiza em Chaves promovendo um encontro de escritores portugueses e galegos, tendo como mote a nossa terra e as suas gentes, vem de encontro a esse sentimento.

Para mim ele é ainda mais exacerbado, pelo facto do seu mentor e principal organizador ser o Eng. Altino Rio, por ser meu amigo e companheiro de route há muitos anos, noutros projectos culturais, ainda que de menor dimensão.

Embora circunstancialmente me encontre fora do país, razão pela qual não estarei presente no encontro dos escritores com a população, tenho seguido a programação do evento através da internet, ficando a torcer pelo seu êxito, mas para quem como eu, conhece as qualidades e métodos do organizador, não tenho a menor dúvida de que, os objectivos propostos serão atingidos.

Sabemos que a realização deste evento, resulta da vitória à candidatura do Orçamento Participativo 2015, mas atendendo à projecção que, este evento dá à cidade, à semelhança de outros que já se realizam pelo país fora, entre os quais, Póvoa de Varzim, Penafiel, Funchal e muitos outros, achamos que a Câmara Municipal de Chaves deveria dar continuidade a este projecto, consolidando-o no roteiro cultural da cidade.

Como deste encontro de escritores, além da troca de ideias nascerá um livro sobre a cidade, fico a aguardar o seu lançamento, como leitor.

  

publicado por Nuno Santos às 10:53

Trata-se de um importante acontecimento anunciado hoje, no dia em que é apresentada a candidatura da gastronomia de Trás-os-Montes e Alto Douro a Património Cultural Imaterial da Humanidade, em Mirandela, numa sessão presidida pelo conselheiro de Estado Adriano Moreira, distinto transmontano, meu professor de Evolução dos Paradigmas Internacionais quando estudei Ciência Política.

A candidatura à Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) é organizada pelas associações locais de desenvolvimento local p. ex. a Desteque, Corane e Douro Superior, que representam a maioria dos municípios de toda a região. Será que Chaves é participante ?
Segundo os promotores, a apresentação é o primeiro passo rumo a um objectivo antigo das comunidades de Trás-os-Montes e Alto Douro, num processo que se pretende que culmine em março de 2018 com a apresentação formal da candidatura à UNESCO.

Felicito e desejo sucesso ao mentor deste projecto / encontro de escritores e, tal como o Nuno, fico a aguardar o lançamento do livro.
Júlio, LISBOA a 15 de Abril de 2016 às 15:04

Oxalá este evento tenha muito êxito. Parabéns ao nosso Amigo Altino pelo mesmo.
Nuno, muitos parabéns, saúde e felicidades.
Beijinhos para a Família toda aí na Holanda.
Albertina a 15 de Abril de 2016 às 17:28

Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
16

17
20
21
22
23

24
25
26
28
29


links
pesquisar
 
Visitantes
blogs SAPO