Outeiro Secano em Lisboa

Junho 02 2013

Miserere também conhecido por miserere mei dei (tende misericórdia Deus),  é uma peça musicada no século XVII por um compositor italiano chamado Gregorio Allegri. Há dias o Blog Outeiro Seco Aqi, numa das brilhantes colaborações de João Jacinto, evocou a Miserere, dizendo ter sido cantada pelo povo de Outeiro Seco, numa revolta popular contra a usurpação dos baldios, reprimida pelas forças militares do governo de então.

Ontem o Miserere foi de novo cantado em Outeiro Seco, desta vez na igreja matriz pelo Ensemble Vocal do Coral de Chaves, que brilhantemente animou a cerimónia religiosa, do casamento da minha sobrinha e afilhada Joana. Foi para mim um momento emocionante, porque o grupo cantou o Miserere e todos os outros cânticos  muito bem,  do lugar onde em minha opinião, o  grupo que habitualmente canta na missas dos domingos o devia fazer, do coro da igreja. Dali o som das vozes sobrepõe-se sobre as nossas cabeças, dando uma sensação algo mistica.

O tema trouxe-me à memória, os acontecimentos de há quase dois séculos atrás, imaginando o desespero das pessoas a serem reprimidas e ao mesmo tempo, cantando o Miserere, fazendo lembrar os cristãos da antiga Roma que, enfrentavam a morte com cânticos ao seu Deus.

publicado por Nuno Santos às 09:23

Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
14
15

18
20
22

26
29



links
pesquisar
 
Visitantes
blogs SAPO