Outeiro Secano em Lisboa

Janeiro 14 2013

 

Fiel aos princípios definidos na linha editorial deste blog, de que iria estar atento às realidades da nossa terra, como  ontem decorreu a tomada de posse dos novos órgãos sociais da AMA – Associação Mãos Amigas, eu não poderia deixar de evocar esse facto.

O projecto da AMA é um sonho lindo, nascido para dar resposta a um dos grandes constrangimentos da nossa sociedade, a melhoria da qualidade de vida, de um largo extracto da  população, designado por geração sénior, ou terceira idade.

 Isto porque, os avanços na área da saúde e na indústria farmacêutica, fizeram aumentar exponencialmente a nossa média de vida, de tal modo que sendo na Idade Média de 40 anos, está agora, em 76 anos para os homens, e em 82 anos para as mulheres. Por outro lado, a fragmentação das famílias, fruto da modernidade e da globalização, fez com que muitas dessas pessoas, ficassem desamparadas e sem um apoio directo da estrutura familiar.

Deste modo, vão tendo alguma saúde por via dos fármacos, mas faltam-lhes outros apoios, indispensáveis à obtenção de uma boa qualidade de vida.

Este projecto da AMA, criado por um grupo de outeiro secanos de boa vontade, tinha por missão, suprir essa lacuna, só que infelizmente, nasceu com algum atraso, face aos apoios que então, eram disponibilizados.

Agora e segundo os nossos políticos, vivemos um tempo de refundação do Estado, e temos de definir bem, quais as políticas sociais que queremos. Razão pela qual, quase todos os apoios têm sido reduzidos, ou mesmo eliminados. Entre outros, o programa PARES – Projecto de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais, o principal financiador destes equipamentos, foi dos primeiros a ficar sem fundos.

Só que na nossa aldeia, apesar de terem  acabado os programas de apoio, não acabou a vontade de levar o projecto para a frente, ainda que a anterior equipa directiva, da qual eu fazia parte, ter atirado a toalha ao chão, uma outra equipa apareceu, com vontade de o continuar. Eu  face à actual conjuntura, confesso muito cepticismo, quanto à sustentabilidade do projecto, contudo, desejo ardentemente que, a equipa agora empossada, seja mais ousada que a anterior, e consiga obter o sucesso da construção do lar, em nome da nossa terceira idade, para a qual todos nós caminhamos.   

   

publicado por Nuno Santos às 18:28

Pois é, condicionalismos não vão faltar, esperamos que o ânimo que para já esta nova equipa demonstra, não se vá abaixo. Vamos todos ajudar no que pudermos.
Nuno se me dás licença, aproveito o teu Blog, para enviar um grande abraço de parabéns ao nosso Amigo Vasco Sobreira Garcia, que hoje completa mais um aniversáriio.
Vasco, muita saúde, parabéns e um beijinho ao teu filhote Vasquinho.
Albertina a 15 de Janeiro de 2013 às 10:45

Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15
19

21
24
26

29


links
pesquisar
 
Visitantes
blogs SAPO