Outeiro Secano em Lisboa

Setembro 04 2014
Festa do avante onde se pode comer as iguarias de todo o país e do mundo

A festa do avante é uma festa cultural e de música que dura três dias, realizando-se no primeiro fim de semana de setembro, e por isso, quase sempre coincidente com a festa da Sra da Azinheira em Outeiro Seco, sendo a festa do avante, a maior festa que se realiza em Portugal.

Seguindo o modelo das festas do L'Unita, órgão oficial do partido comunista italiano e do L' Humanité, órgão oficial do partido comunista francês a primeira festa realizou-se em 1976, no vale do Jamor, passando depois pela lezíria de Loures, Alto da Ajuda até que se fixou em terrenos próprios, na quinta da Atalaia no Seixal.

Montada com o trabalho voluntário de cerca de 12.000 militantes comunistas, muitos deles tiram as suas férias, para trabalharem na montagem da festa. Infelizmente e por causa da sua coincidência com a nossa festa, a minha presença tem sido intermitente, com grande pena minha, pois trata-se de uma festa magnífica, quer pelo ambiente como pelo cartaz dos artistas presentes, e onde tenho histórias engraçadas qu ficarão para uma outra altura.

Nesta edição vão estar presentes e pela primeira vez os Lavoisier, uma banda por quem tenho um carinho muito especial, por serem das nossas relações pessoais.

No próximo domingo dia 7, o último dia desta festa, vai ser lançado na nossa aldeia mais um livro, que, de certa maneira é uma homenagem ao amigo Augusto Escaleira, ele que quando mais novo, foi também um dos “habitués” desta festa, onde nos encontramos várias vezes.

Porém desta vez o nosso encontro vai ser no largo do tanque, onde vai decorrer o evento, mas é com alguma nostalgia que falto mais uma vez à festa do Avante, porque tal como diz o slogan “Não há festa como esta”    

publicado por Nuno Santos às 07:56

não fui, e não vou nunca mais! este partido foi um dos que votou contra a redução dos deputados ... o povinho anda a levar cortes e esses senhores que são contra o capital etc... afinal, não honram o que andam a apregoar... o povo recebe 480€ de ordenado minimo, e esses corruptos ( TODOS ) que aquecem o rabinho no parlamento não podem levar cortes? sim senhor...
Zé Manuel a 18 de Setembro de 2014 às 15:09

Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14




links
pesquisar
 
Visitantes
blogs SAPO