Outeiro Secano em Lisboa

Agosto 22 2015

20150822_140958.jpg

 

20150822_135211.jpg

 

20150822_125216.jpg

 

O dia de hoje tinha tudo para ser um bom dia, mas o empate caseiro do Sporting com o Paços de Ferreira, muito por culpa própria, mas também, alguma ajuda do árbitro, esbateu um pouco essa satisfação pela visita às Festas do Povo, em Campo Maior.

Foi a primeira vez que fui às Festas do Povo de Campo Maior, conhecia-as só pela televisão, mas claro que ao vivo, têm outro efeito, sendo de enaltecer todo o brio e o bairrismo das suas gentes, personalizados na pessoa do seu maior mecenas, o Comendador Nabeiro.

Em minha opinião o Comendador Nabeiro é dos poucos que, faz jus à comenda dada pelos presidentes, agraciando gestos e  atos praticados, em defesa das suas terra e das suas gentes. Infelizmente muitas dessas comendas, tem se visto depois quão imerecidas elas foram, porque a razão pela qual as receberam, não  tiveram qualquer relevância, tanto na vida local como nacional.

Esta festa de Campo Maior realiza-se com a periodicidade de quatro em quatro anos, pois dada a grandiosidade e especificidade da sua organização, é praticamente impossível realizá-la anualmente. Mas apesar de ser uma terra periférica, mesmo encostada à fronteira espanhola, recebe na semana das festas, cerca de setecentos mil forasteiros.

De salientar que o percurso é bom, quase todo em auto estrada, fazem-se apenas cerca de vinte quilómetros em estrada normal, desde Elvas a Campo Maior.

Mas porque ainda não existe o dom da ubiquidade, não pude estar nas Festas dos Povos em Chaves, embora pelo que já me disseram, estarão também a ter um grande êxito. Desta vez tiveram uma boa promoção televisiva, pelo menos na RTP 1. Eu vi essa promoção no Portugal em Direto e fiquei entusiasmadíssimo com a reportagem do balneário termal, espero que no futuro esse novo polo turístico, a par com a Fundação Nadir Afonso, acrescentem ainda mais valor à nossa cidade.

Como estamos em agosto, o povo que aproveite a folia, porque já aí vem setembro, e embora os outeiro secanos continuem em festa, com a senhora da Azinheira e o São Miguel, e de continuar a haver bombos e foguetório, a música é é que vai ser outra, são as promessas falaciosas dos nossos políticos. Por isso e como diz o Sérgio Godinho " Cuidado Casimiro, Cuidado Casimiro, Cuidado com as imitações."

 

publicado por Nuno Santos às 23:21

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Agosto 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
20
21

23
24
27
29

30
31


links
pesquisar
 
Visitantes
subscrever feeds
blogs SAPO