Outeiro Secano em Lisboa

Outubro 07 2014

 

 

A função de recepcionista foi sempre considerada uma função estratégica para a empresa, por ser o primeiro impacto com o cliente, quer seja via telefone ou presencialmente.

Ainda que na altura não houvesse formação, em técnicas de atendimento, tivemos no escritório do Rossio uma recepcionista, a Luísa Jordão que, só com o seu charme, encantava os clientes que nos visitavam.

Alguns dos clientes na sua maioria de meia-idade, embora de outros escritórios da Nucase, vinham preferencialmente ao escritório de Lisboa pagar a avença, ou entregar documentos, apenas para arregalarem as vistas com a Luísa.

O estafeta do Sindicato dos Oficiais Maquinistas, um dos clientes mais antigos da Nucase e que já transitara da Parede para Lisboa, também ele já não muito novo, sempre que vinha ao escritório de Lisboa, antes de tocar a campainha e em jeito de serenata, cantava um fado à Luísa. Quando entrava, perguntava-lhe se tinha gostado, dizendo que fora em sua homenagem.

Um outro cliente da Parede, do Departamento da Teresa Espada, arranjava mil e um pretextos para ir ao Rossio, levando um documento de cada vez. Era um senhor já de meia-idade do tipo marialva. Vestia fato impecável, com os sapatos matizados a preto e branco, um bigode fino bem aparado, levava-lhe flores e fazia-lhe convites para almoços, deixando bem explícito o seu assédio.

Um dia encontrando-a debruçada no balcão da papelaria que funcionava no vão de escada, este nosso cliente, não resistiu ao charme da Ana Luísa e apalpou-lhe o traseiro. Esta apanhada desprevenida, reagiu mal à investida.

Na festa de Natal desse ano, o Nuno Santos fez a seguinte quadra à Teresa Espada, onde o cliente tinha a sua contabilidade:

 

Passa por nós no Rossio

Oh! Teresa Espada, sem medo

Porque temos cá a Luísa

Para a atender o Figueiredo

publicado por Nuno Santos às 07:49

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

15

20
24

28
29


links
pesquisar
 
Visitantes
subscrever feeds
blogs SAPO