Outeiro Secano em Lisboa

Novembro 21 2014

antoniozambujo.jpg

 

Desde há muitos anos que cá em casa usamos uma frase de código, para designarmos a aquisição de algo não planeado, essa frase é “marquei um golo”. Claro que a recordista de golos marcados é a Celeste, já aposentada e dona do seu tempo que, porque nunca gostou muito de estar sozinha em casa, a não ser que esteja ocupada com alguma tarefa, frequenta assíduamente as grandes superfícies, onde vai marcando golos sucessivos. Diz  que são oportunidades, atendendo aos preços e depois queixa-se de que precisava de uma casa maior, porque  não tem onde guardar nada, apesar de vivermos num T3 e sermos apenas duas pessoas.

Claro que eu também vou marcando alguns golos, sobretudo quando vou à FNAC como aconteceu ontem, onde adquirir o último disco do António Zambujo “A Rua da Emenda”.

Já tinha ouvido a sua apresentação na Antena 1, mas ontem tive o privilégio de o ouvir de ponta a ponta e acho-o mais uma obra prima deste artista que, gera já um vasto consenso.

O disco tem quinze temas, e os textos que, eu valorizo muito nas canções, foram escritos por alguns dos melhores escritores de canções da actualidade, como são: João Monge, Miguel Araújo, Pedro da Silva Martins e Luís da Silva Martins dos Deolinda, Maria do Rosário Pedreira e muitos outros.

O disco foi posto à venda na passada segunda-feira e aconselho-o vivamente a ouvir e sobretudo a comprar, porque assim contribuem para o desenvolvimento da música portuguesa e podem depois ouvi-lo mais vezes.

De salientar que na sua digressão nacional, o António Zambujo vai estar em Vila Real, no dia 20 de dezembro e em Lisboa vai estar no Coliseu, no dia 21 de fevereiro, onde eu espero também marcar presença.

 

 

 

 

 

publicado por Nuno Santos às 07:26

desculpa por entrar neste assunto sobre o zambujo mas não comentar sobre ele
há duas notícias que me deixaram profundamente feliz
uma foi a morte do ministro da justiça do primeiro mandato do lula e no segundo mandato virou advogado do caso mensalão desde quinta-feira já está lá pros lados do inferno
a outra foi a prisão do sócrates mas sobre esse crápula mais nada a falar não vale a pena mexer em lixo
ó fim de semana bom
vasco sobreira garcia a 23 de Novembro de 2014 às 02:21

Um outeiro secano residente em Lisboa, sempre atento às realidades da sua terra.
mais sobre mim
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
15

18
20
22

26
28
29



links
pesquisar
 
Visitantes
blogs SAPO